; O Blog da Coccinella: Janeiro 2008

domingo, janeiro 27, 2008

Mailindo - Edição Especial

Este vai com dedicatória especial.

Onde estavas tu na minha adolescência? ;)

sábado, janeiro 26, 2008

É oficial...

... submeti o meu primeiro artigo a um congresso! Uhuhuh!

Ou seja, se for aceite, lá vai a Coccinella da Silva apresentá-lo... Vai ser o stress, o pânico, os nervos, o cataclismo emocional e físico... Aaaaaaahhhhh!!

Sofrer por antecedência é sempre bom! :)

quarta-feira, janeiro 23, 2008

Baú de recordações

Nirvana - Where did you sleep last night

Etiquetas:

Porque uma imagem vale mais que mil palavras...


domingo, janeiro 20, 2008

Como se escreve um artigo científico?

Devia estar a recolher dados para escrever um artigo científico (mas como é que o hei-de escrever se nunca ninguém me explicou como se faz?) e só me apetece ir ver o Johnny Depp na televisão a fazer de pirata ou enfiar-me debaixo dos cobertores a dormir ou simplesmente estar a pensar no nada a ouvir música. Apetece-me tudo, menos estar aqui a ver sites para recolher dados que ainda nem sei bem quais nem como... Porque isto de ir para o Porto é tudo muito lindo e ter aulas e tal, mas dá uma trabalheira dos diabos. Por que é que as coisas boas dão sempre uma trabalheira dos diabos. Deviam ser fáceis e boas. E não me venham com a treta que assim damos valor e tal, porque eu dava na mesma. Ou então não, porque quando fiquei sem o meu Motorola mailindo uma das razões da minha tristeza foi precisamente por ter sido o primeiro telemóvel a comprar com dinheiro ganho pelo meu trabalho. E como ele custa a ganhar, porque aturar histéricas e recalcadas não é fácil. E claro, surge sempre a questão: mas porque não mudas de emprego? E eu até queria, mas teria que ser um bem melhor e mais bem pago (posso utilizar aqui o mais bem?), porque o carro e o mestrado não se pagam sozinhos e para sair de casa, teria que ir ganhar bem melhor. Mas também por que quero sair de casa se aqui me fazem tudo? Não mexo uma palha nem varro uma migalha. E entro e saio quando quero, ninguém me chateia a cabeça. Talvez porque tenho 27 anos e já devia ser hora de sair de casa porque assim é que é bem. Ora agora ainda viver com a mãe! Pfff, onde já se viu isso? Todos querem sair de casa e tu não? És alguma anormal, Coccinella da Silva? E talvez até seja, porque só isso explica colocar a hipótese de entrar em mais uma embrulhada na minha vida, ainda por cima uma embrulhada cujo prazo de validade expirou há seis anos atrás. Sim, sou anormal, porque só isso é que consegue explicar muita coisa. Como, por exemplo, o meu carro de sonho ser um Twingo amarelo. Quem é que gosta de Twingos ainda por cima amarelos? Só eu! Tal como só eu é que gosto do Clarence Seedorf e vejo o Harry Potter para ver o Gary Oldman todo sujo e androjoso e continuar a achar que ele é lindo mesmo assim. É como o José Wallenstein (é assim que se escreve?), não sei porquê, mas deu-me para dizer no outro dia que o achava charmoso, apesar de nunca ter pensado nisso. Mas vi-o um dia, ou melhor, uma noite, em Lisboa, no Bairro Alto, quando me desencontrei com outra embrulhada, essa mais pequena. Mas vi o Wallenstein na pitstop em Lisboa, depois das férias no Algarve. Férias, era mesmo isso que eu precisava agora. Apesar de andar quase tão reclusa como uma freira e não ver quase ninguém, mas precisava de férias de gajas histéricas e recalcadas. Continuava a ir para o Porto na mesma, mas sempre com as antenas bem sintonizadas. O percurso saída da A29-estacionar ao pé da UFP é sempre uma aventura. Acho que eles no Porto nao conduzem muito bem. Ok, eu também sou muito naba, mas aquilo parece um prova de obstáculos a ver quem consegue ultrapassar mais e de preferência sem bater em ninguém.

quinta-feira, janeiro 17, 2008

Baú de recordações

Fernando Redondo

Etiquetas:

terça-feira, janeiro 15, 2008

Vejo aqui algumas semelhanças...
Adenda 10 minutos depois
E no Heroes, sou o Hiro Nakamura e no Prison Break, o Michael Scofield... E não, não tenho mais nada de interessante para fazer!

segunda-feira, janeiro 14, 2008

O mailindo do fim-de-semana

domingo, janeiro 13, 2008

Going to the top

Quando digo que sou inocente e ingénua não estou a mentir nem a fazer charme, porque sou mesmo inocente ou ingénua... Ou talvez não seja cínica e calculista... De qualquer forma, ontem senti-me inocente e ingénua, mas desculpem lá ser esquisita, só que a história de subir na horizontal faz-me espécie.

Recebi um telefonema da TMN por ter ido à loja comprar o meu Chocolate e dei uma imparcial nota máxima a tudo o que se referia ao rapaz liindo que me atendeu. :)

sábado, janeiro 12, 2008

Acho lindo...

... quando os sonhos de criança são realizados.
Dia 31 de Maio vamos realizar o nosso? :)

quinta-feira, janeiro 10, 2008

Flor de estufa

Passo três dias em Salamanca com um frio do caraças e não me acontece nada.

Passo três dias no palácio de Versalhes com o ar condicionado no quente e apanho uma valente constipação!

terça-feira, janeiro 08, 2008

O shuffle do Media Player está a querer mexer com a minha cabeça

Yellow Ledbetter - Pearl Jam
I Still Remember - Bloc Party
Fix You - Coldplay

Safou-se os The Killers antes dos miados, mas se depois vem aquela certa e determinada música dos Muse, tão cedo não dou ouvidos ao Media Player!

segunda-feira, janeiro 07, 2008

Assusta-me ser transparante para as pessoas. Que elas me "leiam" sem eu dar conta. Que saibam o que sinto e o que penso sem eu lhes dizer.

sexta-feira, janeiro 04, 2008

Músicas com os melhores começos

Depois de uma segunda votação, os leitores deste blogue decidiram que, das minhas sugestões, a música com o melhor começo é...

Yellow Ledbetter dos Pearl Jam



Etiquetas:

Mudanças

A sede da associação do marketing dos leitões mudou de sede. Do cafofo passou para o palácio de Versalhes. Um edíficio moderno, dinâmico, chique bem e xpto.

E eu tive o meu momento à filme. Encaixotei as coisas da minha secretária e foram as últimas que tirei do moquifo...

quarta-feira, janeiro 02, 2008

Já tenho telemóvel novo... Não consegui um igual ao meu, mas em compensação fui atendida por um rapaz liindo na TMN.

Fim de ano@Salamanca

Frio. Escadas em caracol. Muito frio. Tapas+cerveja=estômago embrulhado=noite mal dormida. Muito, muito frio. Meia-noite no restaurante brasileiro. Comboinho. Muito, muito, muito frio. Comboinho. Uma da manhã na Plaza Mayor. Congelada. Irish pub. Motorola mailindo roubado. Mala da Gi do Rock roubada. Acordar quase antes de adormecer. Frio. Polícia.

Hay heridos!

Isso é coisa dji pobri!

A porta está aberta. Vou fechar, pode ser?

Bom 2008!